Tendências de decoração 2022 e 2023 - Metallic Decor - Correntes Merini

Blog Page Title

Tendências de decoração 2022 e 2023

O estilo minimalista e as cortinas de correntes continuarão em alta

 

Um novo ano começou e com ele algumas mudanças são bem-vindas; sejam elas relacionadas aos estudos, trabalho, alimentação e também na decoração do seu lar. Transformar um ambiente traz diversas sensações, inclusive, a de conforto.

 

Além de decorar os ambientes da casa, muitas pessoas também optam por aproveitar as férias de janeiro para reformar o lar. Por isso, hoje o nosso blog separou algumas tendências de decoração para 2022 e nos adiantamos para 2023. Confira e saiba o que mudar!

 

O estilo minimalista

O minimalismo continuará em alta nos próximos anos. As linhas retas, a decoração com poucos objetos decorativos e sem excessos ficarão ainda mais abrangentes para todos os espaços da casa. O design dos móveis será mais elegante e com cores ainda mais neutras.

 

Cores

Já que falamos de cores, vamos continuar no assunto. As paredes totalmente brancas em todos os ambientes não serão mais tendência. Para 2022 e 2023, os destaques serão para os tons neutros e terrosos como creme, bege e marrom, além claro do cinza. O azul, lilás e rosa também poderão fazer parte da decoração de diversas formas.

 

Para sair do comum, valerá também investir no famoso ‘tom sobre tom’: mesma cor sendo utilizada em tons diferentes em um mesmo ambiente ou casa.

 

Cortinas de corrente

Em alta nos últimos anos, a cortina de corrente continuará sendo um acessório para ser utilizado em qualquer espaço da casa. Além de beleza, o item deixa qualquer espaço mais aconchegante.

 

Integração dos ambientes

Outra tendência de decoração que continuará nos próximos anos é a integração de ambientes. Sala e cozinha, sala e varanda, dentre outras integrações poderão ser realizadas nos lares sem preocupação com a tendência.

 

Vale lembrar que em caso de dúvida – será que essa tendência combina com o meu estilo ou com o que quero para o meu lar -, é fundamental procurar ajuda com um profissional da área.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *